Para Baixar Em Pdf:

Simulado 20 Concurso  Professor De Ciências

1. O xilema e o floema secundários, contribui para o crescimento em espessura do corpo
vegetal. Quando atinge seu completo desenvolvimento o xilema secundário constitui a madeira,
uma importante matéria-prima para vários setores da economia brasileira. Quanto ao xilema é
CORRETO afirmar que:
A) o protoxilema é constituído de células condutoras que se diferenciam tardiamente, ou seja,
adquirindo parede primária lignificada precocemente, e normalmente, apresentam maior diâmetro.
B) o xilema primário difere dos tipos celulares básicos apresentados no xilema secundário: os
elementos traqueais, células parenquimáticas e as fibras.
C) o protoxilema pode ficar completamente obliterado pelas células parenquimáticas circundantes,
tornando-se não funcional.
D) o metaxilema é composto de células condutoras que se diferenciam primeiro e, em geral,
apresentam menor diâmetro, permitindo que as células aumentem de tamanho antes de atingir a
maturidade.
E) em plantas lenhosas o metaxilema torna-se funcional, pois apresentam os elementos traqueais
obliterados depois do crescimento primário ter sido completado.
2. O crescimento das raízes em comprimento é uma questão de suma importância para a
fisiologia e ecologia das plantas, permitindo que elas alcancem regiões do solo onde há água
disponível. Quanto às alterações na morfologia interna de raízes pode-se afirmar que:
I – O aumento na proporção de aerênquimas em raízes de plantas em condições de alagamento
tem sido reportado como uma estratégia de armazenamento e manutenção da respiração
aeróbica do vegetal.
II – As condições de estresse por deficiência hídrica formam nas raízes as chamadas barreiras
apoplásticas à passagem de água e íons.
III – O espessamento PHI é uma denominação dada a um tipo de espessamento ou modificações
que ocorrem nas paredes celulares de células das raízes de angiospermas e gimnospermas.
Está (ão) CORRETA (S) a (s) afirmativa (s):
A) I e II.
B) I, II e III.
C) III.
D) III e II.
E) III e I.

3. Quando o caule atinge o seu completo desenvolvimento, pode-se reconhecer tal como na raiz,
três sistemas de tecido: o dérmico, fundamental e o vascular. Quanto às estruturas secundárias
podemos afirmar que:
I – O tecido formado de células mortas, cujas paredes são totalmente suberificadas e que
juntamente com o felogênio e a feloderme, substitui a epiderme é denominado de súber.
II – Felogênio é o meristema lateral da casca sendo também chamado de câmbio suberógeno.
III – A região mais periférica do lenho conhecida como alburno é inativa, enquanto que a mais
interna conhecida como cerne é ativa.
Está (ão) CORRETA (S) a (s) afirmativa (s):
A) I e II.
B) I, II e III.
C) III.
D) III e II.
E) III e I.
4. Quanto a morfologia externa de caules e sua classificação quanto ao habitat é INCORRETO
afirmar que:
A) em árvores e arbustos o caule é tipicamente ereto e seu desenvolvimento é quase vertical
podendo apresentar-se cilíndrico ou cônico, ramificado, sendo resistente e lenhoso. A esse tipo de
caule denominamos de tronco.
B) os trepadores por definição são os que sobem num suporte, por meio de elementos de fixação,
ou a ele se enroscam. Esse tipo de caule é bem observado em algumas Cucurbitaceae.
C) ocorrendo em muitas Poaceae, é encoberto por bainhas de folhas. Este tipo de caule lembra
realmente uma haste ou suporte vertical.
D) conhecido como o caule das palmeiras, o colmo apresentam os tecidos secundários bastante
lignificados podendo aparecer lenticelas.
E) Os filocladódios são semelhantes aos cladódios quanto ao aspecto geral, no entanto,
assumem ramificações que lembram no aspecto morfológico folhas, sendo achatados e com
grandes áreas.
5. A energia radiante do sol é convertida em energia química por meio da fotossíntese, via pela
qual praticamente toda energia entra na biosfera. Em relação à fotossíntese marque a alternativa
CORRETA.
A) Quando moléculas de clorofila (ou moléculas de outro pigmento) absorvem luz, os elétrons são
temporariamente impulsionados a um nível energético maior denominado de estado excitado.
B) O fluxo de elétrons induzido pela luz, que se origina na água e vai para o NADP+
, liberando oxigênio, ocorre nas mitocôndrias é denominado de fluxo de elétrons não cíclico.
C) A cadeia transportadora de elétrons está arranjada de tal forma que a transferência de elétrons
entre os transportadores de elétrons na cadeia está obrigatoriamente ligada ao bombeamento de
prótons por meio do citoplasma.
D) A atividade oxigenase da Rubisco (Ribulose1,5- bifosfato carboxilase oxigenase) combinada
com a via de recuperação consome O2 e libera CO2, um processo denominado fluorescência.
E) A fotossíntese em plantas C4 não é tão eficiente quanto às plantas C3 porque o CO2 fixado pela
via C4 é essencialmente “bombeado” das células do mesofilo para as células da bainha do feixe.
6. As plantas participam de forma direta e indireta da ciclagem de alguns elementos
biogeoquímicos. Sendo a fisiologia vegetal uma ferramenta metabólica indispensável neste
processo. Dessa forma marque a afirmativa F para as afirmativas FALSAS e V para as afirmativas
VERDADEIRAS.
( ) Na fotossíntese, os organismos vivos incorporam o dióxido de carbono da atmosfera na forma
de compostos orgânicos (que contêm carbono). Na respiração, esses compostos são quebrados
em dióxido de carbono e água.
( ) As plantas C4 contêm apenas um terço a um sexto da quantidade de Rubisco em relação às
plantas C3 sendo mais eficientes quanto ao uso do nitrogênio.
( ) Como a respiração celular comum, a fotorrespiração consome CO2, mas, diferentemente da
respiração celular ela depende da luz.
( ) O carbono total acumulado por uma planta depende não apenas da taxa de fotossíntese com
base na área de uma folha, mas também na área foliar total da planta, bem como de outros
fatores, tal como o tempo em que as folhas são mantidas e permanecem ativas
fotossinteticamente.
Marque a alternativa que apresenta a sequência CORRETA.
A) F-F-V-F.
B) F-V-F-V.
C) V-V-V-F.
D) F-F-F-V.
E) V-V-F-V.
7. Um jardim botânico selecionou um biólogo taxonomista para identificar algumas espécies de
angiospermas, no intuito de criar uma exposição das flores mais exóticas. Para isso o biólogo
utilizou uma chave de identificação com algumas características morfológicas. Quanto à
placentação é INCORRETO afirmar que:
A) O número de lóculos é frequentemente relacionado ao número de carpelos do gineceu.
B) Na placentação axilar os óvulos nascem de uma coluna central de tecido do ovário, o qual se
apresenta dividido em tantos lóculos quanto são os carpelos.
C) A placentação é parietal quando os óvulos nascem sobre a parede do ovário ou de extensões
da mesma.
D) Os óvulos se originando de uma coluna central de tecido que não está conectada por partição
com a parede do ovário denomina-se placentação apical.
E) Em algumas flores, um único óvulo ocorre na base de um ovário unilocular, tratando-se de uma
placentação basal.
8. No intuito de dar uma aula prática de botânica em sala e aula, um professor solicitou aos
alunos que trouxessem: feijão, manga, girassol, milho e tomate. Os alunos com o auxílio do
professor tiveram que classificar os tipos de frutos de cada exemplar que trouxeram. Dessa forma,
verifique a afirmativa que contem a classificação INCORRETA realizada pelos alunos.
A) Feijão – pode ser classificado como sendo um legume, ou seja, fruto simples seco, com duas
deiscências longitudinais, geralmente, polispérmico.
B) Manga – fruto simples, carnoso, indeiscente, geralmente monocárpico, monospérmico
classificado como uma drupa.
C) Milho – classificado como cariopse, fruto simples seco, indeiscente, sincárpico, monospérmico,
tegumento da semente totalmente ligado ao pericarpo.
D) Girassol – classificado como sâmara, monocárpico ou sincárpico, monospérmico, pericarpo
com expansão alada.
E) Tomate – pode ser classificado como baga, fruto simples carnoso, indeiscente, geralmente,
sincárpico, polispérmico.
9. Para que ocorra a eficiência no transporte de água, o vegetal adquiriu mecanismos e
estruturas celulares para a rápida absorção e suprimento hídrico de todo o corpo vegetal. Em
relação ao transporte de água desde a epiderme da raiz até a endoderme da raiz podemos
afirmar:
1 – Rota apoplástica.
2 – Rota simplástica.
3 – Rota transmembrana.
I – ( ) A água atravessa pelo menos duas membranas para cada célula (a membrana plasmática
na entrada e na saída), sendo que o transporte pelo tonoplasto pode estar envolvido.
II – ( ) A água move-se exclusivamente pela parede celular sem atravessar qualquer membrana.
III – ( ) A água movimenta-se de uma célula a outra através dos plasmodesmas.
A correlação CERTA corresponde à alternativa:
A) III – 3; II – 1; I – 2.
B) III – 1; I – 2; II – 3.
C) I – 3; II – 1; III – 2.
D) I – 1; II – 2; III – 3.
E) II – 3; III – 2; I – 1.

10. O processo fotossintético é responsável pela produção de compostos de carbono para suprir
as demandas energéticas das plantas. O câmbio vascular das espermatófitas possuem tecidos
especializados no transporte de açúcares e outros solutos.
As células do ___________, que realizam a condução de açúcares e outros compostos orgânicos
denominam-se _____________, altamente diferenciados típicos de angiospermas e as células
crivadas, relativamente não especializadas, das gimnospermas.
Em alguns casos, o tecido do _________ também inclui fibras e esclereídes para a proteção e
sustentação do tecido.
As palavras CORRETAS que preenchem às respectivas lacunas correspondem à alternativa:
A) xilema – elementos de tubo crivado – floema.
B) floema – elementos crivados – floema.
C) floema – esclereídes – xilema.
D) xilema – parênquima – xilema.
E) parênquima – elementos crivados – floema.

Gabarito

1-A
2-A
3-B
4-B
5-D
6-D
7-E
8-C
9-C
10-C

 

Simulado 20 Concurso Professor De Ciências

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + 9 =

CURSOS GRATUITOS PARA PROFESSORES (COM CERTIFICADO)